Ir para conteúdo

  • facebook
  • twitter
  • youtube

Informações do Tutorial Visitar tópico de suporte

  • Adicionado em: Jul 15 2013 09:21
  • Exibições: 2817
 


* * * * *
0 Avaliações

Regulando a Marcha Lenta no GNV

Como regular a marcha lenta no GNV, em carros sem acelerador eletrônico.

Postado por edgar_rs emJul 15 2013 09:21
tutorial

Mais um tutorial para quem tem GNV instalado!!! Quem tem carro a gasolina, sem acelerador eletrônico, não aconselho a mecher neste parafuso para ver "como fica"!

 

Se está perfeito, não mecha!!!

Pessoal, quem botou GNV no carro reclama que após a conversão o carro fica com motor acelerado.

Na foto abaixo, tem um parafuso grifado. Este parafuso regula a abertura da borboleta quando em marcha lenta.

 

regular-marcha-lenta-gnv.jpg

 

Para fazer a regulagem perfeita, vc tem que estar com motor quente (pois, quando estiver frio, ele automaticamente aumenta o giro do motor) e funcionando na gasolina!

 

Aperte ou solte o parafuso até a marcha lenta ficar na RPM desejada (por volta dos 750RPMs).

Feito isto, parta para a regulagem do motor no GNV, conforme descrito abaixo:
 

 

 

Pessoal, aí vão algumas dicas de AJUSTE do Kit (coisa que não se encontra em lugar nenhum, então aproveitem  ;) )

Redutor:

 

O redutor tem 2 parafusos de ajuste: um da marcha lenta e um do diafragma. Fatalmente ao se mexer no parafuso do diafragma o da marcha lenta também tem que ser reajustado.

 

Funciona assim:

 

Parafuso da marcha lenta: ajuste do funcionamento do motor em regime de marcha lenta, sem pressão no acelerador. A rotação deve ficar entre 800 e 1000 Rpm. Um parafuso muito fechado retira a marcha lenta e o carro morre por mistura pobre e um parafuso muito aberto causa excesso de combustível e o carro morre ou fica oscilando.

 

Parafuso do diafragma: ajuste da saída de gás do redutor em regime de trabalho.

Um parafuso muito fechado causa lentidão na resposta da aceleração, isto é, ao acionar o acelerador o carro demora para responder e fica com a dirigibilidade comprometida.

Um parafuso muito aberto causa excesso de combustível, o que provoca um aumento considerável no consumo e também um aumento nos níveis de poluição. Para ajustar esse parafuso, após cada modificação no ajuste faça uma ou duas acelerações para "assentar" o diafragma.

Após o ajuste, verifique a marcha lenta e corrija novamente no parafuso de marcha lenta.

Cada fabricante coloca os parafusos em lugares diferentes, mas NORMALMENTE (não é uma regra) o parafuso de marcha lenta é menor que o parafuso do diafragma.

 

IMPORTANTE:

 

Num primeiro momento PARECE que os dois parafusos fazem a mesma coisa, mas com o tempo percebe-se que a função dos dois causa reações diferentes na rotação do motor. Então, não desista na primeira vez.

 

 

Como regra geral, abra os dois parafusos pela metade e inicie o ajuste a partir daí.

 

Ajuste de Potência

 

Existe um terceiro parafuso que fica na mangueira entre o redutor e o mesclador, este é o parafuso de potência do motor. É um ajuste "fino" para o parafuso do diafragma do redutor. Se estiver muito fechado o motor morre ou não responde, e se estiver muito aberto todo o gás que sai do redutor vai para o motor, o que pode também causar excesso e conseqüentemente um aumento no consumo e nos poluentes.

 

É isso aí. Qualquer dúvida, estamos aqui. Vale lembrar que um ajuste incorreto no sistema pode aumentar o consumo e a emissão de poluentes (não passa pelo INMETRO) e também lembro que as convertedoras cobram de 10 a 30 reais para ajustar esses três parafusos, que pode ser feito em 5 minutos é é muito fácil.

 

Mas SÓ TENTE AJUSTAR SE FOR NECESSÁRIO.

 

Se o carro estiver bom, deixe os parafusos quietinhos lá.

 

Essas dicas servem para economizar dinheiro ao abolir o ajuste caro que as convertedoras cobram, não para sair por aí ajustando parafusos em "modo econômico" e "modo potência", como eu faço!